Busque no Blog

sexta-feira, 13 de maio de 2016

4 MANEIRAS DE AMPLIAR SUA PROTEÇÃO COM CÂMERAS DE SEGURANÇA

Existem inúmeras situações que possibilitam ampliar a segurança da sua empresa ou da sua residência. Por isso, há diversas soluções e cada uma delas está alinhada a um proposito especifico, garantindo eficiência e até mesmo poupando gastos desnecessários.

São os casos dos KITs de CFTV, por exemplo. Eles variam de acordo com a necessidade e o tamanho do projeto de segurança eletrônica. Portanto, podem ser utilizados tanto para vigilância e monitoramento quanto para simples acompanhamento de equipamentos no processos de fabricação. 

A ShopSeg enumerou 4 situações no qual você pode aplicá-los de maneira diferente. Acompanhe:

IDENTIFICAÇÃO VISUAL 
A identificação é realizada pela combinação de uma câmera de segurança analógica ligada a uma tela monitor ou diretamente em uma TV. Usualmente é utilizado em portões de entrada de casas ou empresas, ajudando a identificar quem está tocando a campainha. Além disso, há situações no qual é possível ainda instalar a câmera em conjunto com o vídeo porteiro do local, desde que o mesmo permita essa função.

MONITORAMENTO DE UM PONTO ÚNICO
Basicamente, a ideia é acompanhar a movimentação de um local especifico como a sala de espera/recepção de um consultório, o comportamento dos candidatos no local de uma prova ou exame, ou ainda, identificar irregularidades na operação de alguma máquina no processo de produção, como o funcionamento de uma esteira na fábrica, por exemplo. 

BABY SISTER / BABÁ ELETRÔNICA
Conhecidas também como robozinhos pela capacidade de rotação em diferentes ângulos (pan tilt), as babás eletrônicas possuem predominantemente tecnologia IP, permitindo o monitoramento de outro local através da função de acesso remoto. Enquanto as mamães realizam uma atividade na cozinha ou no escritório da casa, por exemplo, é possível verificar do tablet, do computador ou do smartphone qualquer reação que o bebê tenha no berço ou em outro comodo da casa.

MONITORAMENTO E VIGILÂNCIA SISTEMA DE CFTV
Aqui, temos a união de todos os equipamentos necessários para monitorar um imóvel. Um sistema de CFTV completo convencional é composto basicamente por 5 equipamentos, são eles: câmeras de segurança, gravador de vídeo, HD (disco rígido), cabo e conectores. 

É a solução ideal para quem busca aumentar o nível de proteção de uma residência, empreendimento comercial ou fabril. Através de um protejo, é possível identificar quais são os pontos vulneráveis do imóvel, instalando câmeras com as características que atendem a necessidade de cada local. Mesmo que um sistema de CFTV não possua HD, é possível verificar o que acontece no local monitorado através da função de acesso remoto, inclusa na maioria dos gravadores de vídeo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário