Busque no Blog

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

SEGURANÇA ELETRÔNICA INTEGRADA

Normalmente, a maioria dos projetos de segurança eletrônica em empresas têm por objetivo se atentar a proteção de itens de grande valor e a visualização de áreas de maior acesso ou fragilidade. Por isso, a utilização de câmeras de vigilância tem se tornado um item indispensável. 

Mas o que muitos ainda não sabem é que as câmeras podem ser utilizadas na automação do controle de acesso. Essa possibilidade é devido pelo fato de existir câmeras IP e DVRs que são capazes de integrar a captura de vídeo aos sistemas de controle de acesso, garantindo maior eficiência no monitoramento e mais segurança para o patrimônio da empresa. 

Em setores de acesso restrito, como estoques, por exemplo, é possível programar o sistema de controle de acesso para que a câmera do local registre a foto da pessoa no momento em que esta digitar sua senha de acesso, enviando um alerta à central de monitoramento. Desta forma, é possível conferir a senha, o usuário e a imagem, certificando todo o contexto do cenário e tendo a certeza de que a pessoa não está sendo ameaçada a liberar o acesso a um determinado local, por exemplo.

Integrações desse tipo mostram que é possível aumentar o nível de segurança das empresas utilizando os sistemas que já estão em uso, mas que operam independentes. As opções são bem variadas, dependendo certamente dos produtos que estão sendo utilizados.

A grande "sacada" é utilizar produtos que "se conversam", como alarmes de intrusão, controle de acesso e sistemas de monitoramento
de imagens com câmeras IP. Seja de um único fabricante ou não. Será preciso avaliar as possibilidades de combinações. Com a inovação das tecnologias é possível implementar uma solução de segurança completa e integrada, aumentando a eficiência de todo o sistema.

Nenhum comentário:

Postar um comentário